A exposição Imagens de um povo de um lugar é uma iniciativa da Rede de Museus da UEFS e tem por objetivo celebrar o 19 de agosto – Dia Internacional da Fotografia por meio de um breve panorama sobre a produção artística local.

    Trata-se de uma coletânea de registros fotográficos/cartográficos oriundos das cidades interioranas da Bahia como Feira de Santana, Quijingue, Ichu, Euclides da Cunha, Maragogipe, Ipirá, Mucugê, Santo Amaro da Purificação e Canudos. São destes espaços que as lentes dos fotógrafos Antonio Alves de Oliveira Neto, Carlos Eduardo Andrade, Ingridy Lima, Moises Padilha e Técia Borges perpassam, cada um a seu modo, as paisagens citadinas e seus cotidianos, intentando no exercício de icônicos registros territoriais, evidenciar além de arte, arquitetura, natureza e sua gente, uma ampliada percepção sobre os repertórios de valorização das cidades e da sua memória.

       A fotografia pode ser compreendida como um registro visual, e como tal, constitui-se como uma forma de expressão, uma fonte documental, que guarda uma aura alegórica passível de estudos e interpretações. Os registros capturados pelas lentes dos fotógrafos nos permite analisar a mentalidade e o gosto de uma época, a representação e a memória coletiva e individual de uma sociedade.

         Dessa forma convidamos você a prestigiar o trabalho desses artistas e também a pensar sobre o nosso espaço diário, nosso lugar, nossa gente!